Terminais de ônibus terão ação mensal contra o diabetes

O governo de Goiás por meio da Metrobus, Indústria Química do Estado de Goiás (Iquego)  e secretaria de Estado da Saúde vai realizar no dia 12/03, quinta-feira, no Terminal Padre Pelágio, das 8h às 12h, o lançamento da ação anual preventiva contra o diabetes. Serão ofertados testes de glicemia e pressão arterial para os usuários do Eixo Anhanguera.

 “Com pouco custo, mas com excelentes resultados, apostamos nessa atividade que, com certeza, já salvou muitas vidas. Desde o ano passado até agora oferecemos, com ajuda de parceiros, e total apoio do governo, mais de 5 mil testes glicêmicos para a população goiana em ações de grande público”, diz o presidente da Iquego, Denes Pereira.

 

O teste não é diagnóstico mas o resultado traz uma boa noção dos níveis de glicose de quem estiver sendo assistido.

 

Para o presidente da Metrobus, Paulo César Reis, a proposta é facilitar a vida das pessoas e atuar, com resultados práticos, na prevenção da doença que possui alto grau de letalidade no Brasil e no mundo.

 

“Sem a ajuda dos parceiros esse trabalho não seria possível. Quero agradecer `a secretaria de Estado da Saúde, Faculdade Estácio de Sá e Conselho Regional de Farmácia pelo apoio”, diz Paulo.

 

Esse trabalho contará com participantes dos Núcleos de Assistência à Saúde da Família em Goiás, o (Nasf), do Programa Saúde da Família (PSF). O objetivo é acompanhar de perto casos suspeitos de diabetes ou hipertensão.

 

Calendário

As ações serão realizadas e avisadas com antecedência, uma vez ao mês, em diversos terminais do Eixo Anhanguera: “O que poderá atender públicos de diversas regiões da grande Goiânia”, salientou Paulo.

 Diabetes

Segundo dados do Ministério da Saúde, mais de 300 mil pessoas sofrem com diabetes em Goiás. Mais de 10 mil pessoas morreram entre 2010 e 2016 em decorrência da doença.

 

Ainda, de acordo com a pesquisa, 7,2% da população Goiana é portadora de diabetes.

 

Em relação aos pré-diabéticos, a Sociedade Brasileira de Diabetes estima que 40 milhões de brasileiros possuem o nível elevado de glicemia de jejum, variando entre 100 e 125 mg/dl; e que 25% deste total pode desenvolver o diabetes tipo 2.

 

O diabetes tipo 2 representa de 90% a 95% dos casos da doença, e geralmente se desenvolve após os 40 anos de idade. No entanto, o diabetes tipo 1 e o tipo 2 podem desenvolver-se em qualquer idade.

 

A melhor forma de prevenir a doença é praticar atividades físicas regularmente, manter alimentação saudável e evitar consumo de álcool, tabaco e outras drogas.

 

Atenção Primária

Para especialistas em Saúde Pública, a reorganização do sistema de saúde brasileiro tem como ponto de partida a atenção primária, atendimento inicial que é a porta de entrada ao Sistema Único de Saúde (SUS).

 

Segundo o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, essa é uma decisão do governo federal que irá fortalecer o trabalho das Unidades de Saúde da Família em todo país com destinação de verba específica e oferta de atendimento nos Postos de Saúde em turnos fora do horário comercial. Foi criada, ainda, a Secretaria Nacional de Atenção Primária.

 

*Aplicativo*

Durante a ação, a prefeitura de Goiânia apresentará aos transeuntes o aplicativo para smartphones "Sáude Fácil - Tenha o SUS em suas mãos".

O App já oferece o agendamento de consulta da Atenção Básica para as especialidades de clínico geral, ginecologia, pediatria e odontologia e pesquisa dos medicamentos distribuídos na rede pública municipal.

A nova ferramenta aumentará o aproveitamento de vagas, já que o usuário receberá notificações sobre o dia da consulta e, se não puder comparecer, poderá cancelar com antecedência no próprio aplicativo.Tanto os serviços prestados nas unidades, como pelos profissionais, podem ser avaliados.